Deixe seu e-mail e seja o primeiro a ler nossos artigos

    Contratar uma equipe de TI ou uma consultora de tecnologia: Qual a melhor opção?

    06/05/2021

    Saiba como encontrar o melhor formato para atender a necessidade do seu negócio

    A terceirização de serviços vem se popularizando nos últimos anos e deve continuar a crescer. Isso vem acontecendo por diversos motivos, seja por economia ou praticidade.

    Tanto para cuidar do armazenamento, da segurança de dados ou do desenvolvimento de softwares que melhorem o desempenho da companhia, esses profissionais são essenciais.

    Se já era improvável que uma empresa não precisasse de suporte tecnológico, o cenário criado com a pandemia tornou isso ainda mais difícil. O online se tornou a principal forma de trabalho e funcionamento das empresas e para isso é preciso do auxílio da tecnologia.

    Em primeiro lugar é necessário reconhecer a importância de uma equipe focada em tecnologia da informação. O motivo é que esses profissionais são responsáveis pela estrutura tecnológica do seu negócio.

    Mas será que uma equipe interna é a melhor opção para todas as empresas? Ou então, existe só uma realidade adequada? Hoje vamos ajudar você a mensurar isso e encontrar a melhor opção para a sua empresa.

    Como funciona no dia a dia

    Uma equipe interna de TI e uma consultora de tecnologia são duas modalidades diferentes e que costumam ter diferentes enfoques. E vamos abordar esses diferentes enfoques para esclarecer essa questão de uma vez por todas. Sua escolha vai depender tanto do tamanho, quanto da necessidade do seu negócio.

    No caso de uma equipe interna, é importante lembrar do processo burocrático e dos gastos envolvidos. Por outro lado, aqueles colaboradores que fazem parte do time vão estar 100% focados nas demandas da sua empresa.

    Em contrapartida, esse modelo é limitado e caro. Isso porque, é muito difícil que uma equipe interna possa cobrir todas as especialidades que a sua empresa pode precisar. Ao mesmo tempo, ter várias especialidades que não são necessárias no dia a dia da empresa é algo inviável.

    Essa não é uma questão de deméritos de um modelo ou outro. Trata-se de um reconhecimento de como funciona na prática e qual a melhor opção para cada realidade.

    No caso de uma consultora de tecnologia, como a InfoWorker, a relação entre a empresa e a equipe de TI é diferente. Geralmente o trabalho vai funcionar através de demandas de projetos ou suporte.

    Para os gestores que gostam de ter a equipe presente, supervisionando tudo, esse modelo pode causar certo estranhamento. Para aqueles com muitas demandas internas diariamente, a dinâmica talvez encontre dificuldades.

    Por outro lado, esse modelo evita muitos custos burocráticos e que encarecem o profissional. Também há a vantagem de contar com especialistas específicos para demandas pontuais, garantindo a possibilidade de desenvolver projetos elaborados.

    Há também uma grande economia de tempo com a terceirização. Isso porque uma equipe própria também exige uma grande demanda de tempo e administração.

    Mesclando modelos

    Cada modalidade tem seu valor, com vantagens e desvantagens. O segredo é entender qual é a necessidade da sua empresa.

    Uma alternativa que também funciona é mesclar os dois formatos. Tendo uma pessoa internamente para alinhar as demandas e projetos com os demais setores e uma equipe externa e especializada para colocar tudo em prática.

    Avaliar competências no que diz respeito a realização dos projetos também é algo muito importante. Esse é outro ponto pelo qual mesclar modelos pode ser um bom caminho, pois contaria com alguém internamente capacitado para avaliar e distribuir tarefas, e ao mesmo tempo com uma equipe especializada para a execução.

    Precisa de uma consultora de tecnologia? Entre em contato com a InfoWorker e vamos conversar.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.