Deixe seu e-mail e seja o primeiro a ler nossos artigos

Como a tecnologia pode fazer a diferença no planejamento estratégico da sua empresa

15/08/2019

No mundo empresarial o planejamento é essencial. Muitos métodos podem ser usados para ajudar a estruturar e organizar as medidas estratégicas de um negócio, como a matriz SWOT, por exemplo.


Apesar de serem de grande ajuda, um fator limitante desses métodos é que tendem a ser pouco práticos. As ideias ficam claras, mas o funcionamento e aplicação fica todo por conta das pessoas.

Com o “boom” tecnológico dos anos 2000, as empresas precisaram se adaptar e levar novas tecnologias para dentro das organizações. Hoje, além de facilitar o dia a dia, essas ferramentas podem ser usadas para otimizar os resultados.

Se olharmos para o passado, não é difícil lembrar de empresas que perderam seu espaço no mercado por não se adaptarem à nova realidade.

As tecnologias de informação e comunicação, em especial, são grandes aliadas nos planejamentos estratégicos. Proporcionam melhorias nos processos e dão o suporte necessário para o crescimento do negócio. Confira como a tecnologia pode fazer toda a diferença.


Conexão das áreas

Para qualquer planejamento funcionar bem, para ser cumprido dentro dos períodos previstos, é importante que as diversas áreas estejam interligadas e operando com eficiência.

Uma arquitetura de sistemas em que os programas funcionem separadamente, mas que também consiga conectar as áreas, resulta em conclusões mais precisas. Essa ligação entre as áreas ajuda a alinhar as equipes para que todos caminhem na mesma direção.


Mensurar resultados

Quando uma empresa faz um planejamento estratégico,  teoricamente ela sabe para onde quer ir, o que deseja alcançar e os resultados que deve trabalhar para obter.

O próximo passo desse processo é prever resultados e medidas que deverão ser ajustados. Toda empresa precisa saber quais são os prováveis resultados de suas ações e no que isso vai impactar mais adiante.

As habilidades humanas, por mais eficientes que possam ser, não podem fazer essas previsões de forma imparcial e precisa.  Já os recursos tecnológicos conseguem calcular e prever resultados com base na análise do cruzamento de dados.

A Microsoft, por exemplo, tem um serviço de análise chamado Power BI, que se conecta a uma infinidade de fontes. Ele gera relatórios baseado nesses materiais – que podem ser provenientes de arquivos ou banco de dados – facilitando o gerenciamento de informações. Esses dados, obtidos de forma tão prática e visual, possibilitam uma previsão que auxilia na realização e planejamento de estratégias.


Gerenciamento de projetos

Todo planejamento estratégico conta com vários projetos que vão contribuir para o cumprimento das metas que a empresa deseja. Saber aonde quer chegar é importante, mas não é o suficiente.

Acompanhar o andamento dos projetos é tão importante quanto concebê-los. Com o EPM – Enterprise Project Management – é possível planejar as tarefas e acompanhar o andamento desse plano.

Ele também permite comparar o que foi programado ao que está sendo realizado. Assim, é possível avaliar a expectativa e a realidade, identificar dificuldades, necessidades e recursos de forma precisa e sem surpresas desagradáveis.


Otimização de processos

Muitos negócios utilizam o planejamento como um recurso para melhorar o desempenho no cumprimento de prazos, diminuir custos e gerenciar o tempo e a produtividade  nos procedimentos. O objetivo de toda ação estratégica é otimizar alguma atividade, área ou processo.

Que empresário não gostaria de diminuir tempo e gastos com as tarefas do seu negócio e continuar com a mesma qualidade, ou até superior, no serviço oferecido? Aquela história de que para obter resultados diferentes e melhores também é preciso fazer as coisas de forma diferente se encaixa muito bem aqui. E de preferência com o auxílio necessário!

O BPM – uma abreviação de Business Process Management ,e que significa Gerenciamento de Processos de Negócio – é uma solução que tem como objetivo agilizar processos e diminuir custos e tempo com processos burocráticos.

A InfoWorker combina o Microsoft Sharepoint e o Office 365 como ferramentas de BPM para auxiliar gestores e suas equipes a mapear processos, identificar possíveis melhorias, criar formulários e customizar e desenvolver soluções.

Esses são alguns dos recursos tecnológicos que vão fazer toda a diferença nos resultados das estratégias desenvolvidas aí na sua empresa. Se você deseja conversar e saber mais a respeito, envie um whatsapp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *