Deixe seu e-mail e seja o primeiro a ler nossos artigos

    Atualizar o computador para o Windows 11 vale a pena?

    24/03/2022
    Atualizar o computador para o Windows 11 vale a pena?

    Entenda quais são as mudanças e se é o momento de aderir à novidade

    O Windows 11 é a mais nova atualização do sistema da Microsoft. A novidade foi anunciada na metade de 2021 e começou a ser implementada no final do ano. As mudanças, mesmo para os usuários que já aceitaram o update, estão sendo implementadas aos poucos.

    O novo software propõe uma navegação intuitiva, produtiva e segura. Além disso, o design é projetado para transmitir tranquilidade e simplicidade. O sistema operacional foi projetado para auxiliar no trabalho híbrido.

    A atualização gratuita está disponível desde outubro de 2021. Para baixar o Windows 11 é só acessar o site da Microsoft e a instalação é feita de forma quase que completamente automática. Mas a pergunta que não quer calar é: “devo atualizar meu computador com o Windows 11?”. Separamos alguns pontos para considerar na hora de aceitar ou recusar a novidade.

    Quem pode atualizar

    Para atualizar, é importante checar se o aparelho cumpre os requisitos para receber o update. Para baixar o novo software é necessário que a máquina tenha processador dual-core de 1 GHz, 4 GB de memória RAM, pelo menos 64 GB de armazenamento interno e uma tela de no mínimo 9 polegadas com resolução HD.

    Além disso, o firmware precisa ser UEFI, ter uma placa de vídeo com gráficos compatíveis com DirectX 12/WDDM 2.0 e TPM (Trusted Platform Module) 2.0. A Microsoft destacou que a máquina deve estar com o Windows 10 já instalado antes de atualizar para o 11.

    Outra questão importante é que alguns aplicativos podem não se adequar a algumas especificações. Ou seja, será necessário verificar também a compatibilidade dos apps.

    A dica é verificar o PC Health Tech na Microsoft para verificar se a sua máquina é elegível. Isso porque alguns modelos antigos não têm a compatibilidade necessária para obter a nova versão.

    Funcionalidades

    As diferenças entre o Windows 10 e o Windows 11 podem ser percebidas desde o visual. O design do novo software é mais fluido e atrativo, com menu centralizado e informações mais espaçadas. A interface também é mais limpa e transmite um visual refinado.

    A atualização também é projetada para dar destaque aos sistemas Microsoft, como o Teams. A atualização do Windows é acompanhada por melhorias no canal de comunicação empresarial, que já vem habilitado na barra de tarefas padrão.

    E o design foi pensado para o universo do trabalho, para ajudar na produtividade de quem usa a plataforma. A novidade do Snap Layout oferece a possibilidade de maximizar janelas e realocar automaticamente todas as que estiverem abertas. A ideia é facilitar a visualização e organização de arquivos ou múltiplas abas de navegador.

    A segurança é um dos principais destaques do Windows 11, o que reforça a exigência da empresa nessa questão. Para usar o sistema, é necessário ter o TPM 2.0, pois ele aprimora a criptografia. O novo sistema busca oferecer proteção extra nas conectividades, tanto de trabalho quanto lazer.

    Vale lembrar que o sistema ainda está em fase de implementação e as funcionalidades devem ser aprimoradas ao longo de 2022. Antes de atualizar, verifique se o seu computador é compatível e se realmente quer conhecer as mudanças agora. O ideal é esperar mais um pouco até que sejam feitas melhorias. Afinal, a mudança ainda não é obrigatória.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.